3 Vestindo o seu Poder: Junho 2013

sábado, 22 de junho de 2013

Meditação de Louise Hay para o medo



Estou em segurança
A qualquer momento temos a oportunidade de escolher entre o amor e o medo. Nos momentos de medo, devemos nos lembrar do sol. Embora às vezes pareça encoberto por nuvens escuras, ele jamais deixa de brilhar.  Como o sol, o Infinito e o Único Poder me ilumina constantemente, mesmo que esteja escondido pela névoa de pensamentos negativos. Escolho me lembrar da Luz. Sinto-me seguro e protegido pela Luz. Quando surgem os temores, escolho vê-los como nuvens passageiras e deixo que sigam seu caminho. Eu não sou meus medos. É seguro para mim viver sem sentir a necessidade de me defender e proteger o tempo todo. Sei que o que fazemos em nosso coração é muito importante, de modo que começo cada um de meus dias numa harmonia silenciosa com ele. Quando sinto medo, abro meu coração para deixar o amor fluir e ele dissolve o medo.
 

A Autossabotagem

“Você certamente já ouviu falar de autossabotagem, mas sabe o que é?
Sabotagem significa qualquer ação com o objetivo de prejudicar e auto quer dizer a si mesmo. Portanto, autossabotagem é aquilo que você faz para prejudicar a si mesmo. É claro que você não quer conscientemente se prejudicar, mas acontece sem você querer.
Alguns exemplos de autossabotagem:
—Você quer fazer ginástica para emagrecer e acerta o relógio para acordar cedo. No dia seguinte, toca o despertador e você não se levanta.
—Você diz: De agora em diante só vou pensar positivo. Cinco minutos depois, lá está o pensamento negativo.
— Você diz: Hoje vou fazer 10 ligações para o meu negócio. Envia e-mails, entra no facebook e no final do dia nenhuma ligação foi feita.
E estes são só alguns exemplos. Você faz autossabotagem todos os dias. Pense em coisas que você promete a si mesmo fazer ou não fazer, e depois não cumpre.
A autossabotagem aparece como um inimigo que aparece para fazer com que seu plano nunca dê certo. E nesse caso o inimigo se esconde dentro de você e potencializa seus medos, ansiedades e indisposição, criando várias dificuldades e bloqueando vários setores de sua vida.
A autossabotagem vem de uma parte da mente humana chamada mente reativa. A mente reativa grava e armazena todas as suas experiências dolorosas. Ela guarda estes registros abaixo do seu nível de consciência. Você não se lembra mais do que aconteceu, mas abaixo da sua percepção consciente, a mente reativa entra em ação, remexe no seu passado doloroso e trás medos, inseguranças, tristezas e dores de volta ao presente.
Vencendo a autossabotagem, você passa a confiar mais em si mesmo. “Ser fiel à suas metas, ser fiel a si mesmo é um importante passo para ser bem-sucedido”. (Texto de Lucia Winther, terapeuta, extraído da Revista Samadhi Número 3).

Bernardo Stamateas, formado em teologia e psicologia, autor do livro “Autossabotagem”, dá os conselhos para quem enfrenta problemas de autoestima: “Não me sabotar é ter confiança em mim, é poder ter intimidade, é ser livre das pessoas, é investir em mim, é querer superar a mim mesmo, é pensar triunfalmente, é sonhar, contar meus sonhos e correr atrás deles, é ter inteligência social e emocional, é dar-me permissão para vencer, é mostrar meu eu verdadeiro, é praticar hábitos de sucesso, é aprender a ser mais feliz."

A fé em si mesmo e na existência de um Poder Universal que nos envolve e acolhe, alimenta o entusiasmo, a alegria e o amor incondicional, permitindo que tenhamos força e coragem para superarmos os desafios comuns da vida e os impostos por nós mesmos. O medo do novo se rompe quando reconhecemos aquilo que tememos, mas entendemos que é apenas um modo de pensar e sentir errado e que pode ser mudado assim que nos decidimos por isso e nos mantenhamos firmes nessa perspectiva.

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Faça seu coração vibrar (2): OSHO

Com uma vida tão curta, com uma fonte de energia tão pequena, é simplesmente estupidez desperdiçá-la com tristeza, com raiva, com ódio, com ciúme. Aproveite a vida com amor, aproveite-a fazendo algo criativo, com amizade, com meditação. Faça com a sua energia algo que o eleve. E quanto mais alto for, mais fontes de energia estarão disponíveis para você. No ponto mais elevado da consciência, você é quase um deus.

*****************

A pessoa que nunca fica com raiva e que vive controlando sua raiva é muito perigosa. Cuidado com ela: ela pode matar você. Se seu amigo nunca fica com raiva, denuncie-o à polícia! Alguém que às vezes fica com raiva é um ser humano natural, não há por que se preocupar com isso. Mas a pessoa que nunca fica com raiva um dia, de repente, pulará no seu pescoço e estrangulará você! Ela fará isso como se estivesse possuída.

*****************

O mais belo momento da vida de uma pessoa é quando não há nem confusão nem certeza. Ela simplesmente é. Um espelho refletindo aquilo que é, sem nenhuma direção, indo para lugar algum, sem ideia de fazer algo, sem nenhum futuro, só absolutamente no presente, intensamente no presente.

************

Essa tentação da mente de reduzir toda maravilha, todo mistério, a uma pergunta é pautada basicamente pelo medo. Temos receio do que é extraordinário na vida, desta incrível existência. Estamos amedrontados. Por causa desse medo, criamos alguns pequenos conhecimentos à nossa volta como uma proteção, como uma armadura, uma defesa.
Só os covardes reduzem a meras perguntas a capacidade incrivelmente valiosa de se maravilhar. A pessoa realmente valente, corajosa, deixa as coisas como são. Em vez de transformar a maravilha em uma pergunta, ela mergulha no mistério. Em vez de tentar controlá-lo, ela deixa que o mistério a possua.